Ações Políticas

Pedido de Alexandre de Moraes pode suspender posse de Silvia Waiãpi

Foto: Facebook/Reprodução

Por Andrés Pascal

O mandato da deputada bolsonarista Silvia Waiãpi (PL-AP) sofreu mais um duro golpe nessa sexta-feira (27). O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes encaminhou nesta sexta-feira (27) para análise da Procuradoria-Geral da República (PGR) um pedido de suspensão da posse dela e de outros dez deputados que podem estar envolvidos nos atos golpistas de 8 de janeiro, em Brasília.

Moraes atendeu a um pedido de advogados. O documento também pede que a participação dos parlamentares nesses atos seja apurada e que seja instaurado um inquérito policial contra o grupo. O ministro deu prazo de 24 horas para que a PGR apresente manifestação sobre o caso. A posse de Silvia e dos demais deputados eleitos está marcada para o dia 1º de fevereiro, quando são retomados os trabalhos da Câmara Federal.

Além de Silvia, políticos importantes da base bolsonarista, como Carlos Jordy (PL-RJ), André Fernandes (PL-CE) e Nikolas Ferreira (PL-MG) são citados no documento. É importante lembrar que a deputada eleita chegou a postar em suas redes sociais vídeos dos atos em Brasília com legendas incentivando o que ela chamou de “tomada do poder pelo povo”. As postagens foram apagadas posteriormente.

Esse é só mais um problema que Silvia Waiãpi deve enfrentar para manter o seu cargo de deputada. Ela também está sendo investigada por utilizar recursos do fundo eleitoral para realizar um procedimento de harmonização facial.

Coluna On

Coluna ON é um portal que vai além das notícias, agregando jornalismo cultural de qualidade com a agilidade da linguagem das redes sociais.

Comentar

Clique aqui para publicar um comentário